Exposição sobre a conservação do túmulo do Poeta Lobo da Costa.

1 12 2013

Realizou-se junto a sede do futuro Museu do Doce da UFPel a exposição sobre a conservação do monumento funerário do Poeta Lobo da Costa intitulada “Conservação de Monumento Funerário – Poeta Lobo da Costa, Santa Casa de Pelotas”. O Monumento Funerário que é original do Cemitério da Santa Casa de Pelotas/RS, foi restaurado e parte do mesmo encontra-se junto a exposição didática sobre as técnicas de restauro utilizadas. A exposição é resultado de semanas de intenso trabalho, onde os estudantes e professores do Curso de Conservação e Restauro da Universidade Federal de Pelotas, colocaram em prática os conhecimentos adquiridos ao longo da disciplina de Introdução à Conservação de Materiais Pétreos, tornando o Cemitério um verdadeiro laboratório. As atividades do projeto de pesquisa intitulado Marmorabilia, coordenado pela Professora Luiza Fabiana Neitzke de Carvalho, contribuíram para a realização desta exposição. Este projeto tem como objetivos inventariar, conhecer, divulgar e preservar a arte cemiterial nas cidades de Porto Alegre e Pelotas/RS. Um dos objetivos do trabalho é sensibilizar a comunidade a zelar pelo nosso patrimônio cemiterial e incluí-lo como um ponto turístico para futuras visitações. Segundo a discente, Júlia Cavallieri, a higienização do monumento funerário foi feita para retirar sujidades que acabaram deteriorando o monumento. Primeiramente, foi feito um diagnóstico, com o preenchimento de uma ficha que documentou as patologias encontradas no monumento. A limpeza mecânica foi feita através da utilização de escovas macias e produtos químicos. A discente Vera Regina Cazaubon, destacou a importância da atividade, através das aulas práticas que foram importantes, pois complementaram as aulas teóricas. Foi à primeira vez que esse procedimento foi realizado dentro do Cemitério de Pelotas. Segundo a docente Luiza Neitzke foi uma honra ter realizado a atividade no jazigo do célebre poeta Lobo da Costa, pelo que o mesmo representa: “Para a nossa surpresa, Lobo da Costa (poeta, jornalista e teatrólogo brasileiro marcado pelo “mal do século” é um dos nomes mais expressivos do movimento romântico da literatura do Rio Grande do Sul) é homenageado na 41ª Feira do Livro de Pelotas, tornando ainda mais satisfatório o resultado do trabalho realizado por alunos e professores” Luiza também explica que pretende dar continuidade a atividade, através do completo processo de restauração. No dia 09 de Novembro Luiza coordenou uma visita guiada junto ao Cemitério Ecumênico São Francisco de Paula, local onde se encontra o túmulo do poeta. Nesta visita foram visitados os túmulos de escritores importantes, com ênfase ao túmulo do Lobo da Costa. Por Cristiane Rodrigues.Imagem


Ações

Information

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: